18 de agosto de 2010

Singelo.

Pra começar, carioca não nasceu pra dia nublado, tempo frio e chuva. Mas desde Sábado estávamos na luta, duas camisas, casaco, calça, meias e os cariocas da gema, que estão acostumados com o Rio 40º, tiraram do fundo do baú o cachecol, as luvas e toquinha.
Mas acredito que o desafio maior era o que vinha antes das roupas, o banho.
As 6h da manhã, num frio de lascar... O que me dá forças é pensar que, graças a Deus, a água é quentinha. Mas depois pra sair é uma batalha também, se pudesse ficava cozinhando o dia todo. Então eu penso logo nos países da África que sofrem com a escassez de água e saio já de lá.

Mas hoje tudo mudou, porque em torno de 11h30 à 12h, as nuvens foram se desmanchando e o sol brilhava como se dissesse: "Querida, cheguei!". E pra completar o conjunto da obra, um vento fresco bagunçava os meus cabelos. 
Eu me pus a apreciar tudo isso sentada na grama, observando as flores do jardim e olhando, ou melhor, tentando olhar fixamente pro sol. Fechei os olhos e deixei que ele esquentasse o meu rosto e enquanto isso, em minha mente, agradecia a Deus por toda aquela maravilha

 

Um sol para nos aquecer, um lindo céu azul para nos alegrar, mil formas e espécies de flores e plantas, tudo incrivelmente lindo e perfeito. Abri os olhos em meio a algumas lágrimas e avistei alguns passarinhos bem pequenos e bem na minha frente, brincando, ciscando alguma coisa no chão, e eu não contive o sorriso. Se minha mãe fosse ao quintal e me visse naquele momento... Bem... Ela acharia normal da minha pessoa... Mas se um desconhecido me visse naquele momento, com certeza pensaria: "O que aquela doida está fazendo rindo sozinha?"
Que engano. Eu não estava só, pude sentir a presença de Deus alí, ao meu lado, aquecendo o meu rosto, brincando com os meus cabelos, trazendo uma alegria incontrolável dentro de mim
Eu me rendi à simplicidade de uma vez por todas. Me livrei do fardo que carregava de querer ser 'alguém importante'; afinal, eu não preciso disso, nem ninguém. Pra Deus já somos naturalmente especiais.

Esse post, a princípio seria pequeno, umas 15 linhas, mas acho que foi muito bom compartilhar esse momento que tive nesta tarde. Eu te incentivo a ter o seu momento de simplicidade com o Senhor, pode ser aí mesmo no seu quarto, no ônibus, na faculdade, mas seja lá onde for, esqueça de tudo e aproveite o momento, esteja puro pra sentir a presença de Jesus Cristo no seu interior.

Fique na paz do Senhor,
beijoequeijo, Renata Flávia.

Comentário rápido:

0 comentários: