28 de abril de 2011

Qual é o fim do seu pecado?

Você reconhece um pecado que carrega há muito tempo?  Eu, sim. Na verdade, sempre quando se fala de pecados ele me vem a mente. Não é aquele pecado corriqueiro, que cometi uma vez há 3 anos atrás. Esse pecado me acompanha, é quase que meu ponto fraco, difícil de largar. Acredito que com você não seja diferente e também haja um.
E o pior é nós pensarmos que não tem jeito, não agora.
Você já justificou seu pecado? Ou você mesmo já escolheu qual vai ser o fim dele?
"Eu vou parar de falar palavrão quando começar a trabalhar."
"Eu vou parar de me masturbar quando casar."
"Eu vou parar de roubar dinheiro dos meus pais escondido quando arranjar um emprego."
"Eu vou parar de __________(insira seu pecado) quando __________(o fim que você deu a ele)."

Fácil escolher um fim e viver carregando seu pecado até lá. O futuro sempre é visto limpo e com solução pra tudo. 

"Não se gabe do dia de amanhã, pois você não sabe o que este ou aquele dia poderá trazer." (Provérbios 27:1)

Hoje você se considera um filho mau, mas espera que Deus tenha paciência, porque de acordo com seu fim dado, esse pecado sumirá.
"Pois não há futuro para o mau, e a lâmpada dos ímpios se apagará." (Provérbios 24:20)
É no futuro que você baseia sua vida e sua santidade? No futuro que você vai ser honrado por Deus?
"Visto que ninguém conhece o futuro. Quem lhe poderá dizer o que vai acontecer?" (Eclesiastes 8:7)

O futuro só pertence ao Senhor. Quem somos nós pra dizer o que vai acontecer, da maneira que vai ser? Se Deus quiser que não haja futuro, não terá e tudo ficará no hoje.
"Portanto, não se preocupem com o amanhã, pois o amanhã se preocupará consigo mesmo. Basta a cada dia o seu próprio mal". (Mateus 6:34)
Se o teu pecado, o ponto fraco, é o teu mal de hoje, preocupe-se hoje. Dê um fim nele, hoje.
Siga para o fim que Deus planejou, o arrependimento e a conversão:
"Arrependei-vos, pois, e convertei-vos, para que sejam apagados os vossos pecados, e venham assim os tempos do refrigério pela presença do Senhor" (Atos 3:19)

Nós temos que acreditar que maior é O que está em nós do que o que está no mundo.
O fim de nossos pecados é somente o arrependimento e a transformação.
Vamos reconhecer que é pecado, que não é o que Deus quer e verdadeiramente nos arrepender. E assim, mudar por completo nosso modo de ser, não seguindo pela estrada que há princípio é inofensiva, mas que no final nos leva ao mesmo pecado de sempre.
Vivamos o hoje, e deixemos o futuro nas mãos de Deus. Que a nossa visão de futuro seja nosso dia, nosso instante.

Fique na paz do Senhor.
Beijo e abraço,
Renata Flávia.

Comentário rápido: