22 de abril de 2011

A ressurreição.

"Você acha que eu não posso pedir a meu Pai, e ele não colocaria imediatamente à minha disposição mais de doze legiões de anjos?
Como então se cumpririam as Escrituras que dizem que as coisas deveriam acontecer desta forma?
Naquela hora Jesus disse à multidão: "Estou eu chefiando alguma rebelião, para que vocês venham prender-me com espadas e varas? Todos os dias eu estava ensinando no templo, e vocês não me prenderam!
Mas tudo isso aconteceu para que se cumprissem as Escrituras dos profetas". (Mateus 26:52)
Disse Jesus a Pedro quando foi preso.
E foi cumprido conforme as Escrituras, Jesus morreu, mas ressuscitou.

E como nós não conseguimos entender que conosco parte do mesmo princípio? Que somos filhos do mesmo Pai de Cristo?
As Escrituras também dizem:
"Nele também vocês foram circuncidados, não com uma circuncisão feita por mãos humanas, mas com a circuncisão feita por Cristo, que é o despojar do corpo da carne.
Isso aconteceu quando vocês foram sepultados com ele no batismo, e com ele foram ressuscitados mediante a fé no poder de Deus que o ressuscitou dentre os mortos." (Colossenses 2:11-12)

Nós ganhamos a chance de poder ressuscitar em uma vida nova onde o fim não é a morte. 
E todo mundo vai poder ver quem nos tornamos e que quem éramos ficou pra trás. Muita gente vai sentir essa mudança como se um fosse um grande terremoto; vão querer mentir, tramar contra nós, dizendo que nada mudou, que essa história de ter uma nova vida é balela, impossível... Mas não é nos homens que confiamos, e sim em Deus, que tem um amor puro, que não liga pra nossa bagagem e está mais atento para o coração que tem sede de vida, arrependimento e vontade de adorá-Lo eternamente.
"Vivo morto pra aquilo que eu sempre pensei que fosse a vida, mas estou de pé pra viver pra sempre." @pablobausujo

Que Deus te abeçoe!
Beijo e queijo,
Renata Flávia.

Comentário rápido:

0 comentários: